Associação Atlética Flamengo

[Associação Atlética Flamengo]
[Publicidade]

A3 de 2017 mantém 6 rebaixamentos, mas reserva mata-mata na 2ª fase

A3 de 2017 mantém 6 rebaixamentos, mas reserva mata-mata na 2ª fase

Postado em: 01/11/2016

Na tarde desta segunda-feira, houve o Conselho Arbitral referente ao Campeonato Paulista da Série A3 de 2017.

O Flamengo de Guarulhos foi representado na cerimônia por André Ricardo Pereira, gerente de futebol, e Joaquim José Mangueira Leite, presidente. O evento, que tem como palco a sede da Federação Paulista de Futebol (FPF), na capital do estado, apresentou uma novidade na segunda-fase: os tradicionais quadrangulares acabaram substituídos pelas quartas de final. As vagas de acesso e rebaixamento, no entanto, seguem inalteradas: duas promoções (para os vencedores das semifinais) e seis descensos.

A terceira divisão estadual será disputada entre os dias 29 de janeiro e 28 de maio (25 datas). O estágio inaugural continua com o formato todos x todos, totalizando 19 rodadas. Até o dia 10 de março, os clubes terão a oportunidade de inscrever 28 atletas no sistema online da FPF. Os jogadores não poderão defender outros times – nem mesmo os representantes das séries superiores, A2 e A1. E os técnicos não estão autorizados a dirigir duas agremiações no mesmo certame.

Ao final do evento, André Ricardo, de 39 anos, ídolo máximo do Rubro-Negro guarulhense, destacou a dificuldade do torneio, mas mostrou-se motivado para conquistar uma das duas vagas de promoção.

“A Série A3 vem apresentando uma elevação notável nos padrões técnicos e táticos. E esse regulamento enxuto deixa o campeonato ainda mais emocionante e imprevisível. Porém, estamos nos preparando para construir um elenco à altura do Flamengo. Com trabalho sério e respeito aos torcedores, montaremos um plantel de guerreiros. Buscamos, além de grandes atletas, homens comprometidos com as oito listras. Podemos garantir um Corvo determinado e sabedor de suas responsabilidades”, sublinhou o ex-zagueiro, responsável por marcar o gol mais importante da história do clube, na final da Série A3 de 2008, diante do São Bernardo.

Por sua vez, Joaquim Leite recordou o bom desempenho trilhado em 2016 e depositou confiança na repetição de uma primeira fase prolífica, contudo, com um final diferente a partir da 19ª rodada.

“O Flamengo foi o melhor time da primeira fase, com uma campanha irretocável. O bom planejamento nos fez estabelecer feitos históricos, como o recorde de invencibilidade (18 partidas) e o fato de ser o último clube do estado de São Paulo a acabar derrotado na temporada. Porém, a partir da 19ª rodada, temos outro campeonato. E, com essa mudança de regulamento, tudo ficará mais desafiador. Vamos nos preparar para apresentar uma grande constância em ambos os estágios. Se Deus quiser, comemorando o sonhado acesso após as semifinais”, pontuou o mandatário. 

Com a desistência do Atlético Sorocaba, a 20ª vaga deve ser preenchida pelo Taboão da Serra, terceiro colocado da última edição da quarta divisão – a popular Bezinha.

Marcos Vieira Ribeiro - Assessor de imprensa da AA Flamengo

Foto: Gustavo Abraão Guimarães

Olá, deixe seu comentário para A3 de 2017 mantém 6 rebaixamentos, mas reserva mata-mata na 2ª fase

Enviando Comentário Fechar :/