Associação Atlética Flamengo

[Associação Atlética Flamengo]
Agência R3
Daniel Palermo Fotografia
Anin Papéis Especiais
Pinesox

Valente, Flamengo pressiona, mas acaba derrotado na estreia em Olímpia

Valente, Flamengo pressiona, mas acaba derrotado na estreia em Olímpia

Postado em: 30/01/2017

O Flamengo de Guarulhos estreou com derrota no Campeonato Paulista da Série A3.

O Corvo desafiou o Olímpia, no estádio Maria Tereza Breda, casa do Galo, e acabou superado por 2 a 1. Os gols mandantes foram anotados por Naldinho e Renatinho (cobrando pênalti), um em cada etapa. Kairon demorou 25 segundos em campo para diminuir a vantagem e incendiar o duelo no interior. Contudo, mesmo pressionando o adversário durante o período complementar, a representação do Jardim Tranquilidade amargou o resultado adverso.

A equipe comandada por Rogério Delgado volta a campo neste domingo (5/2), às 10 horas, para enfrentar o Noroeste, no estádio Antônio Soares de Oliveira. Será o primeiro duelo do Corvo em território guarulhense. O ingresso inteiro terá o valor de R$ 20, e sócio-torcedor Corvo Mania não paga a entrada – confira os planos clicando aqui.

A partida – O Flamengo de Guarulhos iniciou a partida de modo compactado, fechando os espaços do adversário e apostando nos contragolpes. Ignorando o forte calor olimpiense, os comandados de Rogério Delgado neutralizaram a pressão mandante até os 20 minutos, quando Renatinho invadiu a área pelo setor esquerdo e sofreu pênalti de Wagner. Encarregado da cobrança, o camisa 11 alviazul carimbou a trave direita.

Quando o relógio apontou a marca dos 36, o Corvo, por muito pouco, não inaugurou o marcador no estádio Maria Tereza Breda: Victor Palito entortou a marcação no meio-campo e executou passe milimétrico para Luciano Gigante. Com calma, o experiente atacante rolou para trás da ponta direita e viu Milton Junior finalizar rente ao travessão de Igor.

Aos 40 minutos, a equipe de Betão Alcântara abriu o placar: Naldinho avançou pelo setor esquerdo, cortou para o meio nas proximidades da linha da área e chutou rasteiro, no canto direito de Wagner. A resposta rubro-negra veio imediatamente, com Victor Palito. O camisa 11 postou-se bem para concluir o cruzamento preciso de Fabinho, entretanto, finalizou para fora, atrapalhado pela marcação do Galo.

Logo aos 30 segundos do tempo final, o Olímpia ampliou a vantagem com a marcação de um pênalti muito duvidoso. Renatinho deslocou Wagner e fez 2 a 0, fato que obrigou o técnico Rogério Delgado a lançar seus comandados ao ataque de forma intensa.

Quando o relógio apontou a marca dos 12, brilhou a estrela do comandante rubro-negro, que promoveu a entrada do jovem meia Kairon – sacando Victor Palito. Com, aproximadamente, 25 segundos em campo, o jovem articulador de Tupã-SP diminuiu a vantagem. Ele começou a jogada, encontrando Luciano Gigante, que cruzou da ponta esquerda para Danilo Pereira. O camisa 9 finalizou firme e viu Paulo Brumati afastar sobre a linha. No rebote, contudo, lá estava a aposta rubro-negra para estufar as redes de Igor.

Com 23 jogados, o Olímpia perdeu Renatinho, que matou o contragolpe rubro-negro – cometendo falta em Reinaldo – e acabou advertido com o segundo cartão amarelo. Entretanto, a vantagem numérica guarulhense não durou muito. Aos 45, Fabinho, em sua segunda falta cometida, acabou fora, em nova marcação duvidosa da arbitragem.

No respectivo intervalo de tempo, o Flamengo de Guarulhos dominou o oponente, mas não arrancou o empate. A melhor chance do Corvo, dominante no segundo período, veio nos acréscimos, com Rafael Piauí. O camisa 18 aproveitou bola escorada por Igor Prado em bate-rebate na área e chutou com consistência. A conclusão desviou na zaga e encobriu o travessão de Igor.

FICHA TÉCNICA

OLÍMPIA 2 x 1 FLAMENGO DE GUARULHOS

Data e horário: domingo, 29 de janeiro, às 10 horas

Estádio Maria Tereza Breda, em Olímpia-SP

Arbitragem: César Luiz de Oliveira, auxiliado por Givanildo Oliveira Félix e Augusto Faria Calabio

Cartões amarelos: Renatinho, Luisinho Mello e Xandão (Olímpia); Milton Junior, Fabinho, Wagner, Maycon Paulista e André Bilinha (Flamengo de Guarulhos)

Expulsões: Renatinho (Olímpia); Fabinho (Flamengo de Guarulhos)

Gols: Naldinho (aos 40’ do 1T) e Renatinho (aos 2’ do 2T); Kairon (aos 13’ do 2T)

Olímpia: 1-Igor 2-Alex Silva 3-Xandão 4-Paulo Brumati 5-Roger Goiano 6-Cortez (14-Willian) 7-Max Pardalzinho (19-Thiago Santos) 8-Luisinho Mello (15-Rogério Maranhão) 9-Naldinho 10-Vinícius Leite 11-Renatinho

Técnico: Betão Alcântara

Flamengo de Guarulhos: Wagner; Fabinho, Márcio Santos, Igor Prado e Reinaldo; Maycon Paulista (Renatinho), André Bilinha (Rafael Piauí), Milton Junior e Victor Palito (Kairon); Luciano Gigante e Danilo Pereira

Técnico: Rogério Delgado

Marcos Vieira Ribeiro – Assessor de imprensa do Flamengo de Guarulhos

Créditos: Marcos Vieira Ribeiro/Flamengo de Guarulhos

Olá, deixe seu comentário para Valente, Flamengo pressiona, mas acaba derrotado na estreia em Olímpia

Enviando Comentário Fechar :/